Qual O Melhor Tipo De Laser Para Depilação Definitiva? Comparamos 3 tipos!

Escrito por: Michelle Martins

qual o melhor tipo de laser para depilação definitiva

Avalie o artigo

Qual o melhor tipo de laser para depilação definitiva? Pegamos os 3 tipos de laser mais comuns no mercado brasileiro e resenhamos cada tipo de tecnologia para o laser Alexandrite, ND Yag e o Diodo.  Veja todas as principais características de cada um!

Existem vários outros equipamentos e tecnologia diferentes de laser que vão muito além dos 3 tipos que selecionamos. 

Mas, de fato, são os mais encontrados em clínicas no Brasil e as variações entre os outros tipos de laser são mínimas. 

Você já poder ter uma comparação de 3 tipos distintos e com características que os tornam menos ou mais seguros, definitivos e confortáveis. 

Mas antes, um alerta! 


Qual o melhor tipo de laser para depilação definitiva? Um Aviso!

Antes de mais nada, já vai um alerta: Não confunda depilação definitiva com luz pulsada ou fotodepilação

Além de não sere um tipo de laser, o tratamento pode levar o mesmo número de sessões e durar cerca de 6 meses apenas!

A fotodepilação gera bastante dúvida, principalmente quando comparada com a depilação a laser. 

Sua principal característica é que ela retarda o crescimento dos pelos ao enfraquecer a raiz e pode causar arrependimento quando o objetivo é ficar sem pelos definitivamente. 

Ela é basicamente uma luz. 

Uma luz intensa pulsada (LIP) emitida através de um aparelho que possui uma espécie de lâmpada flash de alta energia. 

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), o procedimento é feito  com um equipamento dotado de uma fonte de energia luminosa.

Com o tratamento de luz pulsada o feixe de luz é disparado de forma mais espalhada e atinge os pelos mais superficialmente.

Por isso não é capaz de eliminá-los de vez, mas sim de enfraquecê-los.

Durante o tratamento, que demanda mais sessões, a luz agride gradativamente as células germinativas dos pelos. 

Isso quer dizer que a sua regeneração acontece progressivamente e os pelos voltam a crescer mais rápido ou lentamente.

Tudo vai depender também de fatores biólogos de cada pessoa. 

Ainda se corre o risco da fotodepilação não conseguir destruir toda a estrutura da raiz do pelo, onde estão as células produtoras de pelos em nosso corpo. 

Daí que aparecem aqueles relatos atípicos de que a “depilação definitiva” não funcionou! 

Esclarecido, então anota aí qual o melhor tipo de laser para depilação definitiva! 


Depilação Com Laser Alexandrite

 

O Laser Alexandrite possui ondas de 755 nanômetros de comprimento e seu foco é a atração direta da melanina.

O detalhe importante desse tipo de laser é que as chances de queimadura são maiores, principalmente se você estiver com a pele bronzeada. 

O laser Alexandrite pode ter regulação e interferir na quantidade de sessões. 

O seu feixe de luz tem alta afinidade pela melanina, por isso é sempre necessário regular a sua energia para casos de peles morenas ou negras. 

Na medida que reduz a energia, a quantidade de sessões pode aumentar para atingir um  resultado mais satisfatório. 

As sessões podem chegar até 12 visitas para remoção mais completa.

Pode ser que sejam necessárias manutenções a cada ano.

Sua indicação se limita à peles claras.

Extra: Depilação A Laser No Verão Pode? Respondido!

Depilação com o Laser Nd YAG

Este tipo de laser, ao contrário do alexandrite, não tem a tecnologia de alta atração da melanina. 

Uma características bem marcante deste tipo de laser, afinal sua energia se expande e os riscos de agredir a pele ao redor seriam altíssimos. 

Pode ser realizado em qualquer fototipo. 

Quer saber quais os fototipos considerados? Aqui tem todos: Depilação A Laser Pele Negra: Tudo Que Você Precisa Saber Antes de Fazer

É o mais dolorido por ter o comprimento de onda de 1064nm e este critério pode pesar na hora de decidir qual o melhor tipo de laser para depilação definitiva.

Apesar de conseguir alcançar o bulbo do pelo é o tratamento menos comum para depilação definitiva no Brasil.  

Por ter alta profundidade pode ser um dos mais doloridos e seu feixe de energia também pode ser regulado para o vários disparos por alguns segundos. 

Entretanto,  a sua ponteira costuma ser grande tornando a densidade da energia do laser baixa e pouco efetiva. 

Não há garantia que após uma média de 12 sessões, o resultado seja 100% definitivo.

Este tipo de laser é o indicado também para remoção de tatuagens. 


Laser de Diodo para depilação definitiva 

Uma das tecnologias mais modernas de depilação a laser utilizada aqui no Brasil. 

O laser de diodo possui comprimento de 810 nm e consegue alcançar a raiz dos pelos de forma bastante eficaz. 

Existem diferentes equipamentos que utilizam este tipo de laser e que variam na forma de disparo e tamanho da ponteira.

O seu feixe de energia é concentrado e intenso. 

A última tecnologia neste tipo de laser é o laser de diodo conduzido em fibra ótica.

O que faz com que toda energia disparada chegue sem perdas até o bulbo do pelo. 

Pode demandar menos sessões e os resultados já começam a aparecer a partir da primeira aplicação. 

Vem testar o laser em fibra ótica na Laser Fast! Tem 3 sessões grátis tá garantido pra você: 

melhor tipo de depilação a laser



Avalie o artigo

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo