Como Descobrir Qual Melhor Tipo De Laser Para Depilação Para Seu Tipo De Pele

Escrito por: Michelle Martins

qual melhor tipo de laser para depilação
Como Descobrir Qual Melhor Tipo De Laser Para Depilação Para Seu Tipo De Pele
1 (20%) 1 voto

Qual melhor tipo de laser para depilação é uma pergunta crucial para remoção definitiva dos pelos. Entre os vários tipos comercializados, já é possível encontrar o laser de diodo por fibra ótica, o mais moderno, indolor e definitivo. Veja agora uma resenha de cada um deles!

Pesquisar sobre qual o melhor tipo de laser para depilação é o melhor caminho para não correr o risco de investir e se arrepender com o resultado.

Se você quer conhecer os detalhes que fazem cada laser ser diferente um do outro, só ficar uns minutinhos aqui porque a leitura vai valer a pena!

Sem contar que vai de bônus um alerta sobre a fotodepilação, que já adiantamos: não é definitiva!

Vamos começar?

Depilação Com Laser Soprano XL

Esse possui ondas de 810 nanômetros.

É um pouco dolorido e são necessárias mais sessões para chegar a um resultado satisfatório.

O feixe de luz é disparado várias vezes em uma área maior e com menos energia.

Todos os tipos de pele podem receber este tratamento, mas exige mais sessões para atingir todas as fases de crescimento dos pelos.

Algumas vezes as células que fazem o pelo nascer não são atingidas e a manutenção é sempre necessária.


Depilação Com Laser Alexandrite

O Laser Alexandrite possui ondas de 755 nanômetros de comprimento.

E seu foco é a atração direta da melanina, além de conseguir chegar até a camada média da derme.

O detalhe importante desse tipo de laser é que as chances de queimadura são maiores, principalmente se você estiver com a pele bronzeada.

O laser Alexandrite pode ter regulação e interferir na quantidade de sessões.

O seu feixe de luz tem alta afinidade pela melanina, por isso é sempre necessário regular a sua energia para casos de peles morenas ou negras.

Na medida que reduz a energia, a quantidade de sessões aumentam para atingir um  resultado mais satisfatório.

O laser alexandrite é considerado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) como um laser grau III.

Ou seja, sua aplicação deve ser feita apenas por médicos.

As sessões podem chegar até 12 visitas para remoção mais completa.

Pode ser que sejam necessárias duas ou três sessões de manutenções ao ano.

Sua indicação se limita à peles claras.


Depilação Com Laser de Diodo

Mais avançado e seguro que o Alexandrite.

Possui comprimento de onda de 800mn e 810mn e consegue penetrar mais profundamente no folículo do pelo.

Seu feixe é de luz pura, concentrado e intenso.

Sem riscos de manchar a pele.

Para o laser de diodo, a quantidade de sessões pode ser reduzida.

Apesar de seguir as mesmas condições de avaliação individual, o laser de diodo atinge a raiz do pelo e “mata” as células germinadoras.

O seu feixe de energia consegue alcançar a camada mais profunda.

Antes de te dar o veredicto sobre qual o melhor tipo de laser para depilação, lembra que contamos sobre fotodepilação?

Ela costuma ser confundida com depilação a laser, mas são procedimentos totalmente diferentes!

Foca no próxima tópico. 😉

Diferença entre Depilação a Laser e fotodepilação

Segundo a Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), o procedimento é feito  com um equipamento dotado de uma fonte de energia luminosa.

Com o tratamento de luz pulsada (fotodepilação) o feixe de luz é disparado de forma mais espalhada e atinge os pelos mais superficialmente.

Por isso não é capaz de eliminá-los de vez, mas sim de enfraquecê-los.

Durante o tratamento, que demanda mais sessões, a luz agride gradativamente as células germinativas dos pelos.

Isso quer dizer que a sua regeneração acontece progressivamente e os pelos voltam a crescer mais rápido ou lentamente.

Tudo vai depender também de fatores biólogos de cada pessoa.

O fator biológico somado à capacidade da luz pulsada de atingir a raiz vão determinar por quanto tempo a fotodepilação vai te deixar sem crescimento dos pelos.

A duração pode chegar só até 6 meses, principalmente quando a raiz do pelo não é atingida pela fotodepilação.

Um fato bastante importante sobre a fotodepilação é que o feixe de energia  por ser abrangente não deve ser utilizado em peles com tonalidades escuras.

Aqui neste artigo tem mais dicas: Depilação A Laser Ou Luz Pulsada? 5 Perguntas Que Você Deve Fazer


Afinal, qual o melhor tipo de laser?

Já reparou que a depilação a laser tem fama de ser dolorosa?

Pois é, nos últimos 30 anos, o que mais se almejou, no desenvolvimento de equipamentos de depilação definitiva, era combinar resultado e uma experiência mais agradável.

Se conseguiram? Sim!

O laser de diodo foi melhorado com uso de fibra ótica.

Ele é inovador não só porque foi desenvolvido com laser em fibra ótica, mas especialmente pelo seu sistema de arrefecimento.

Que nada mais é do que o resfriamento da ponteira onde o laser é disparado.

Esse resfriamento é conduzido por um material nobre e revestido em safira que age como uma camada de proteção da pele.

A experiência que antes era dolorosa, hoje, com esse tipo de laser de diodo, é praticamente inexistente.

Ele tem regulagem de velocidade e comprimento de onda.

Além do seu feixe de energia chegar mais rápido e intenso através da fibra óptica.

É o que se esperava da depilação definitiva: sessões mais rápidas, sem dor e que entrega resultado 100% definitivo.


E não podemos deixar de mencionar a flexibilidade do equipamento para depilação em qualquer tonalidade de pele, sem chances de queimaduras.

Dica extra: um artigo completo sobre a depilação para peles negras: Pele Negra Pode Fazer Depilação a Laser? Sim, Mas Com 5 Cuidados

O feixe disparado é de luz pura, concentrada e intensa.

cta ganhe-3-sessoes-depilacao-laser-fast

Quantas sessões de depilação a laser são necessárias

É sempre variável.

O laser de diodo por ser mais eficaz necessita de menos sessões que o laser alexandrite, por exemplo.

O número de sessões também é variável de acordo com a tonalidade da pele, quantidade de pelos e área do corpo.

Por isso, para alguns lasers diferentes do de diodo, há necessidade de mais sessões.

Mas, se nos perguntar: Só uma sessão de depilação a laser é o suficiente?

Com certeza, não.

Os pelos só são destruídos em sua fase de crescimento e nem todos os pelos estão crescendo ao mesmo tempo.

Extra: serve também para depilação masculina! olha só: Depilação Masculina A Laser: O Manual Que Faltava Na Internet

A cada sessão de laser é possível atingir uma quantidade de pelos.

até que todos eles tenham sido eliminados pelo procedimento.

Na primeira sessão, os resultados começam a aparecer, mas o resultado final e 100% definitivo se dá de 6 a 10 sessões com o laser de diodo em fibra ótica.

Mas quem já oferece esse tipo de tratamento? A LaserFast!

Chegou até aqui? Temos 3 sessões grátis oferecidas pela LaserFast:

cta ganhe-3-sessoes-depilacao-laser-fast


Como Descobrir Qual Melhor Tipo De Laser Para Depilação Para Seu Tipo De Pele
1 (20%) 1 voto

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo